África

Burkina Faso. Explosão em mina de ouro causa 60 mortes e expõe abusos no setor mineiro

Uma mina de ouro de exploração ilegal em Gbomblora, no sudoeste do Burkina Faso, explodiu no dia 21 fevereiro e causou 59 mortes e mais de uma centena de feridos. As vítimas terão sido transportados para o hospital de Gaoua, onde as mortes aumentaram no dia seguinte para 63. A explosão foi causada por dinamite,…

Ler Burkina Faso. Explosão em mina de ouro causa 60 mortes e expõe abusos no setor mineiro

Protestos civis, repressão militar e instabilidade política continuam no Sudão

Desde o golpe militar de 25 de outubro de 2021, houve já nove protestos em massa na capital do Sudão, reprimidos por balas e gás lacrimogéneo por parte das forças de segurança. O primeiro-ministro recentemente reinserido Abdalla Hamdok demitiu-se, entre exigências do povo para uma transição total de poder para um governo civil, por meio…

Ler Protestos civis, repressão militar e instabilidade política continuam no Sudão

Filho de ex-ditador Gaddafi é candidato à presidência da Líbia

Saif al-Islam Gaddafi, filho do ex-ditador líbio Muammar al-Gaddafi, é candidato à presidência da Líbia nas próximas eleições de 24 de dezembro, dia em que se celebra a Independência do país. A candidatura foi oficializada a 14 de novembro e logo rejeitada pela Alta Comissão Eleitoral Nacional da Líbia, devido ao histórico de Saif al-Islam…

Ler Filho de ex-ditador Gaddafi é candidato à presidência da Líbia

Quase 300 alunas raptadas no Noroeste da Nigéria

Os raptos e sequestros de menores têm-se tornado acontecimentos cada vez mais frequentes na República da Nigéria. O mais recente acontecimento deu-se na madrugada de 27 de fevereiro do ano corrente, quando dezenas de homens armados invadiram o dormitório feminino da Escola Secundária de Ciências do Governo, na cidade de Jangebe, e raptaram 317 jovens.…

Ler Quase 300 alunas raptadas no Noroeste da Nigéria

Guerra Civil na República Centro-Africana. Um regime governativo que se tornou na oposição rebelde, enquanto os antigos rebeldes tentam governar e reconstruir um país

Os ataques por parte de milícias armadas na República Centro-Africana (RCA) são já responsáveis por 80 mil refugiados e mais de 100 mil deslocados internos. As ofensivas surgiram como forma de contestação às mais recentes eleições presidenciais e legislativas, que ocorreram no dia 27 de dezembro, tendo a reeleição à primeira volta do Presidente Faustin-Archange…

Ler Guerra Civil na República Centro-Africana. Um regime governativo que se tornou na oposição rebelde, enquanto os antigos rebeldes tentam governar e reconstruir um país

Repressão de protestos mancha celebração da independência de Angola

No dia 11 de Novembro de 2020 a República de Angola celebrou 45 anos de independência do império colonial. Em honra da data o Presidente da república João Lourenço solenizou o acontecimento com a inauguração do hotel Intercontinental no Miramar de Luanda. O executivo celebrou a criação de postos de emprego providenciados pelo estabelecimento hoteleiro,…

Ler Repressão de protestos mancha celebração da independência de Angola

Cabo Delgado. Os ataques terroristas continuam em Moçambique

Em Moçambique, na região de Cabo Delgado, têm ocorrido ataques terroristas desde 2017, o motivo destes é ainda desconhecido e alvo de muita especulação. As violações dos direitos humanos têm aumentado exponencialmente no último ano. De acordo com a Amnistia Internacional, os ataques nos meses iniciais de 2020 tiveram um aumento de 300%, em comparação…

Ler Cabo Delgado. Os ataques terroristas continuam em Moçambique

Burkina Faso. Atentado à educação

O Burkina Faso, país situado na África subsariana, tem vindo a sofrer ataques terroristas constantes nos últimos anos, focando-se nas escolas do país. Este conflito já conta com mais de 900 mortos e 860 mil deslocados, apenas nos últimos 5 anos. Os ataques são levados acabo por milícias terroristas que aterrorizam os países daquela região.…

Ler Burkina Faso. Atentado à educação