Europa

Odemira: pandemia expõe falta de habitação digna e violação de direitos humanos no Alentejo

Devido a um aumento significativo de casos de Covid-19 no distrito de Beja, maioritariamente por parte dos trabalhadores agrícolas, o Governo decretou uma cerca sanitária que teve a duração de 11 dias para as freguesias de São Teotónio e Longueira-Almograve, onde a Pousada da Juventude de Almograve e o Zmar, um eco-camping resort de luxo…

Ler Odemira: pandemia expõe falta de habitação digna e violação de direitos humanos no Alentejo

Violência doméstica em Portugal. São as mulheres ainda quem mais sofre

Os casos de vítimas de violência doméstica de 2020 contabilizados pelo Governo baixaram, na sua generalidade, mas a pandemia da COVID-19 e os consequentes confinamentos também potencializaram primeiras agressões entre quatro paredes. No ano passado, morreram 32 pessoas em contexto de violência doméstica, entre elas 27 mulheres, duas crianças e três homens, o que significa…

Ler Violência doméstica em Portugal. São as mulheres ainda quem mais sofre

Moria. Cinco meses após o incêndio, o pesadelo não terminou em Moria 2.0

A 9 de Setembro de 2020 ardeu Moria, o maior campo de refugiados europeu, na ilha grega de Lesbos. Milhares de refugiados e migrantes – cerca de 13 000 – foram realocados em Mavrovouni, num campo que tem sido alvo de críticas de organizações de defesa dos direitos humanos. A origem do incêndio permanece incerta,…

Ler Moria. Cinco meses após o incêndio, o pesadelo não terminou em Moria 2.0

A perseguição política continua na Bielorrússia

Nos passados meses tem sido muito relatado o período tenso que se tem vivido na Bielorrússia. Embora já não seja manchete diária nos media internacionais o desrespeito pela liberdade de expressão e participação física não acalmou. Os holofotes internacionais começaram a destacar a Bielorrússia quando a 10 de Agosto, face ao resultado das eleições presidenciais…

Ler A perseguição política continua na Bielorrússia

Polónia. O ataque aos direitos LGBT

A Polónia tornou-se nos últimos anos um dos principais focos na Europa do crescimento de movimentos de extrema-direita que visam restringir os direitos de comunidades como a LGBT. Em 2015 o partido Prawo i Sprawiedliwość, PiS (Em Português: O Partido da Lei e Justiça) venceu as eleições Parlamentares com maioria absoluta usando como base uma retórica…

Ler Polónia. O ataque aos direitos LGBT